Cascais e farmácias assinam protocolo de vacinação de idosos contra a gripe

A Câmara de Cascais e a Associação Nacional de Farmácias (ANF) assinam hoje um protocolo de vacinação gratuita contra a gripe para a população idosa, no sentido de retirar pressão aos centros de saúde, num investimento de 25.000 euros.

O presidente do município, Carlos Carreiras, explica que as 42 farmácias do concelho, no distrito de Lisboa, vão ser abastecidas com 50 vacinas por estabelecimento, por parte do Ministério da Saúde.

"É a resposta que a autarquia também vai dar em termos de apoio à população, neste caso, aos mais de 65 anos e aos que estão em situações de risco de saúde para vacinação contra a gripe", disse, adiantando que prevê "um investimento de 25 mil euros", correspondendo a 11 mil vacinas.

De acordo com o autarca, a Câmara Municipal de Cascais vai disponibilizar ainda um autocarro que vai andar a fazer vacinação juntos dos centros de saúde do concelho, em colaboração com o Agrupamento de Centros de Saúde do Concelho de Cascais e com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.

"Esse autocarro tem uma capacidade para 200 vacinas por dia e, para já, o que se perspetiva é que seja, pelo menos, durante 10 dias no concelho de Cascais. Dentro desta campanha de vacinação contra a gripe, a câmara assume o compromisso de pagar o custo da aplicação da vacina, já que as vacinas são distribuídas pelo Serviço Nacional de Saúde", realçou.

Para Carlos Carreiras, a vacinação contra a gripe vai permitir determinar logística de vacinação contra a covid-19.

"Vai-nos servir para apurarmos a componente logística de como reagir quando existir a vacina contra a covid-19", observou, acrescentado que serão conhecidos os "procedimentos que venham a ser necessários para se fazer uma vacinação maciça no concelho".

O autarca mostrou-se ainda preocupado com o risco de a procura ser maior que a oferta.

"Nós, hoje de manhã, já começámos com o autocarro. A procura está a ser bastante, o que é bom, [...] mas começa a haver dúvidas se o número de vacinas garantido pelo Governo é suficiente para a procura que vai haver", concluiu.

A Câmara Municipal de Cascais, a Associação Nacional de Farmácias (ANF) e a Associação Dignitude assinam hoje, pelas 15:00, um protocolo para apoiar e facilitar a administração da vacina da gripe aos munícipes de Cascais com mais de 65 anos.

O apoio social tem também o objetivo de retirar a pressão dos centros de saúde do concelho, que, com a ajuda das 42 farmácias, podem assim facultar outros serviços médicos.