Empresas da região Oeste faturaram 8,9 mil milhões de euros em 2017

A Região Oeste possui 14 mil das 430 mil empresas existentes no país, que faturaram 8,9 milhões de euros em 2017, segundo dados do Banco de Portugal.

Em 2017, as 430 mil empresas portuguesas não financeiras faturaram 353 milhões de euros e possuíam 2,9 milhões de trabalhadores em 2017, segundo aquela instituição financeira.

Desses números, 14 mil empresas são da região Oeste, sendo que 23% têm aí a sua sede.

Em 2017, essas 14 mil empresas faturaram 8,9 milhões de euros, dos quais 26% desse volume de negócios advém de empresas com sede na região.

Numa análise ao dinamismo empresarial da região, o Banco de Portugal concluiu que 88% das empresas são microempresas e 12% pequenas e médias empresas.

Dos 8,9 mil milhões de euros de volume de negócios de 2017, 58% foi alcançado por pequenas e médias empresas, que representam 62% do total das empresas da região, 21% por grandes empresas e 20% por microempresas.

As 14 mil empresas empregam 80 mil trabalhadores, dos quais 54% têm como entidade patronal pequenas e médias empresas, que representam 52% do total das empresas da região, 32% microempresas e 14% grandes empresas.

Entre as empresas que exportam, 57% são pequenas e médias empresas, 36% são grandes empresas e 7% microempresas.

Cinquenta e cinco por cento das empresas da região têm mais de 20 anos.

Por setores de atividade, 41% do total das empresas estão ligadas a outros serviços, 27% ao comércio, 14% à construção, 9% à indústria e 7% à agricultura e pescas.

Comércio (43%), indústria (28%) e outros serviços (16%) são os setores que mais faturam.

Para as exportações, contribuem sobretudo os setores do comércio (45%), seguido da indústria (40%), outros serviços (7%) e agricultura e pescas (6%).

Enquanto em Portugal, 6% das empresas exportam 96% da sua produção e faturam nos mercados externos 35% do seu volume de negócios, na região Oeste são 5% as empresas que exportam 94% da sua produção e obtêm 30% do seu rendimento com as exportações.

As empresas nacionais cresceram 7% entre 2013 e 2017 e 2% entre 2016 e 2017, enquanto na região Oeste esse crescimento foi de 6% e 2%.

A região Oeste é composta pelos concelhos de Alcobaça, Bombarral, Caldas da Rainha, Nazaré, Óbidos, Peniche, do distrito de Leiria, e por Alenquer, Arruda dos Vinhos, Cadaval, Lourinhã, Sobral de Monte Agraço e Torres Vedras, do distrito de Lisboa.